Casais de São Paulo: vocação matrimonial e serviço a Deus

Casais de São Paulo com o Reitor da Basílica Santuário e Pároco de Nazaré, Padre Francisco Maria Cavalcante

O Matrimônio é o amor. Ninguém consegue viver sem a presença e a amizade de outras pessoas. Ninguém está sozinho. No casamento, essa amizade é repartida entre o marido e a mulher: é repartida entre o casal e os filhos, e com a comunidade onde vivem. O mais difícil do amor é permanecer firme nele. Só Deus mesmo é capaz de ser, sem defeito, fiel e amoroso. Quando o casal é fiel no amor, é um grande sinal de Deus. Deus está presente no amor do casal. Quem acredita nisso pode casar na Igreja.

Santo Antonio Maria Zaccaria ainda em 1535 fundou a primeira comunidade de vida que consiste em padres, freiras e leigos, no ultimo também inclui os Casais de São Paulo, que era uma experiência de Pastoral Familiar para aquela época, uma coisa inédita, partilhando da mesma espiritualidade, do mesmo carisma, que é justamente essa renovação do fervor cristão. Renovar o fervor cristão é, como dizia Santo Antonio Maria Zaccaria, levar a todas as partes o espírito vivo e que da vida a tudo.

Para consagrar-se ao grupo, são pre-requisitos ser casado ou solteiro, não participar de outros grupos com carisma próprio e, passar por um período de três anos de formação.

A cada ano/etapa são estudados temas específicos que os embasarão teórica e espiritualmente. A formação na Província Norte se divide em 3 etapas de formação, cada etapa tem o tempo de duração de 1 ano, sendo necessário 80% de presença em formações. E, tem como formadores os Padres Barnabitas.

Primeira etapa do Aspirantado: o tema de estudo é “Ser família”.

Segunda etapa do Postulantado: o tema de estudo é “Ser Igreja”. Os Casais recebem a primeira insígnia

Terceira etapa do Discipulado: o tema de estudo é “Ser Zaccariano”. Casais trocam a cor da insígnia

Programação mensal:

  • Duas missas mensais: primeira quinta do mês, às 7h, a missa da família zaccariana e; segunda sexta feira do mês, missa dos Casais.
  • As formações que ocorrem em encontros de formação, um por mês para cada grupo.
  • Um retiro ou espiritualidade anual (janeiro) antes da passagem de grupo
  • Missas Solenes: São Paulo (25 de janeiro) e Santo Antonio Maria Zaccaria (05 de julho)
  • Na Missa em honra a São Paulo ocorre a passagem de etapa aos casais que cumpriram a formação com no mínimo 80% de frequência.

Atualmente, os Casais de São Paulo da Província Norte estão divididos da seguinte maneira:

Casais já consagrados:

-Salomão e Amanda

– Luiz e Socorro

– Diácono Carlos e Fátima

Integrantes em formação

Aspirantado: 09 casais

Postulantado: 06 casais e 1 viúva

Discipulado: 03 casais e 2 solteiros

Faça a sua doação

Para a modernização dos equipamentos de transmisão da SANTA MISSA