Sexta-feira, 17ª semana do Tempo Comum

Reflexão do Evangelho – Lucas 10, 38-42

Sta. Marta, Maria e Lázaro

Com este quadro chegamos a compreender que nunca deveríamos nos esquecer da única coisa necessária, evitando ser envolvidos por outras preocupações que poderiam nos levar a subestimar a necessidade imprescindível de nutrir o nosso espírito com a Palavra. As necessidades do momento, que acabam nos pressionando, não podem fazer com que pretiramos o que podemos alcançar de Deus quando o tornamos nossa prioridade. Pela escuta daquilo que Jesus nos revela nos familiarizamos com a Verdade, princípio de graça, que a Vida nos comunica. Não é ele a “Palavra que se fez carne” (Jo 1,14)?

Neste episódio Jesus declara ser necessário sermos nutridos pela Palavra; coisa que se torna mais do que evidente quando vemos que ela se identifica com a Pessoa do Unigênito Deus, a Verdade-Vida que se fez carne e declarou ser a “Luz do mundo”. “Quem o segue, continua Jesus, não caminha nas trevas, porque iluminado pela Luz da Vida” (Jo 8,12).

Padre Ferdinando Maria Capra pertence à Ordem dos Clérigos de São Paulo (Barnabitas) e serve no Rio de Janeiro (RJ).