05 de Julho: Dia de Santo Antonio Maria Zaccaria, o fundador dos Barnabitas! – Por André Patrick Maria Cardoso do Nascimento, CRSP

Antonio Maria Zaccaria nasceu no ano de 1502 em Cremona- Itália. Filho de Lazzaro Zaccaria, próspero comerciante, e da nobre Antonietta Pescaroli, o que fez com que em 1520 renunciasse aos bens materiais, reservando para si somente 100 libras imperiais, destinado a seus estudos.

Tendo dois anos de idade, seu pai falecera repentinamente, deixando viúva a jovem esposa, que se dedicou inteiramente à educação de seu filho, importantíssimo tesouro que Deus confia aos casais; como resultado de sua educação cristã, quando ainda era jovem, numa tarde fria, Antonio Zaccaria, andando pelas ruas de Cremona, vê um mendigo que se tremia de frio, ajuda-o a levantar-se, retira seu manto de veludo e cobre aquele pobre que se tremia de frio. Grande gesto de caridade!

No que diz respeito a sua formação humana e cristã, Antonio Maria, formou-se em filosofia, mas também, decidiu, impulsionado de amor ao próximo, estudar medicina, pois, considerava a profissão mais nobre a serviço da humanidade. De fato, o recém-formado em medicina, se doou sem reservas em favor dos necessitados, atendendo-os e até mesmo fornecendo remédios aos pobres. Foi assim que aos poucos, não obstante a sua relutância, que se encaminhou para tornar-se médico integral: corpo e alma; por orientação de seu diretor espiritual, o dominicano Frei Marcelo.

Estudou Teologia e foi ordenado em 20 de fevereiro de 1529. Chamado por Cristo ampliou seu apostolado ao ser ordenado sacerdote, testemunhando Jesus e a unidade da Igreja num período em que a decadência das ordens religiosas, do clero, exigia não uma Reforma Protestante e sim uma santidade transformadora.

Impulsionado pela Reforma (interior), com a ajuda de Ludovica Torelli, unido a Thiago Antonio Morigia e Bartolomeu Ferrari, funda em 1530, a Ordem dos Clérigos Regulares de São Paulo, mais conhecidos como Barnabitas, devido à primeira comunidade religiosa situada na Igreja de São Barnabé (Milão). Recebeu das mãos do Papa Clemente VII, em 18 de fevereiro de 1533, a benção e aprovação da primeira Família Religiosa Paulina na história da Igreja. Em 1535 fundou também as Irmãs Angélicas de São Paulo, quanto aos Casais de São Paulo, estes desde o começo já estavam integrados aos trabalhos com o jovem sacerdote.

Faleceu em 5 de julho de 1539. Foi canonizado em 27 de maio de 1897. A nós, seus filhos queridos, Santo Antonio Maria Zaccaria deixou grande legado espiritual, para de fato sermos verdadeiros RENOVADORES DO FERVOR CRISTÃO, iniciando pela fuga da tibieza! Que a exemplo do grande médico e sacerdote, possamos testemunhar a Cristo! Santo Antonio Maria Zaccaria. Rogai por nós!