Nascido em uma localidade chamada Fazenda Real, na Zona Rural de Viseu, município localizado no nordeste paraense, em 08 de Fevereiro de 1961, filho de Maria de Nazaré e Jonas Gonçalves, Luiz Carlos Nunes Gonçalves é o caçula de seis irmãos. Entrou para o seminário em Bragança, no ano de 1978 e em 1979 iniciou o noviciado. Foi a Belém para concluir os estudos, pois realizou o noviciado antes da conclusão do ensino médio.

Ainda em Belém, começou o curso de Filosofia e no ano seguinte foi para Itália terminar de cursar. Lá, também fez o curso de Teologia, além de especialização e espiritualidade. Em 1989, retornou ao Brasil onde foi ordenado padre em 09 de Agosto do mesmo ano, em sua terra natal.

A descoberta da vocação não teve um fato ou acontecimento repentino, mas era algo que já sentia desde criança, desde os sete anos de idade. Por muitas vezes tentou fugir e evitou o quanto pôde seguir este chamado que sentia em seu coração, até que em um dado momento não teve mais como resistir.

Quando era ainda adolescente um grupo de seminaristas Barnabitas visitou a sua escola para convidar os jovens que estivessem interessados em participar de um encontro vocacional e, influenciado pelos colegas, acabou aceitando o convite. Ele foi para o encontro e ali tomou sua decisão de não mais fugir do chamado de Deus, sendo convidado depois para ingressar no seminário. Os pais inicialmente não concordaram muito com a ideia, mas depois acabaram aceitando e ficaram felizes em ver que o filho resolveu enfim aceitar seguir o desejo de seu coração desde criança.

Padre Luiz Carlos já trabalhou nos municípios paraenses de Bragança, Vigia e São Miguel do Guamá, além de Brasília, Fortaleza, Belo Horizonte e Albânia, onde retornou após três anos nesse último. Na sua chegada, foi nomeado Reitor do Seminário Mãe da Divina Providência e, atualmente, é Reitor da Basílica Santuário e Presidente da Diretoria da Festa de Nazaré.