1º Domingo do Advento: perdão e espera

O Natal de Jesus precisa ser preparado e celebrado a cada ano. São quatro semanas de preparação e, no decorrer delas, somos convidados a esperar Jesus que vem no Natal e virá no final dos tempos.

Com a chegada do Advento, um novo ano litúrgico e um novo ciclo da liturgia iniciam. É a hora de renovação das esperanças por conta da vinda do Nosso Salvador.

A liturgia deste primeiro domingo do advento vem com um conselho do próprio Cristo que diz, em relação ao nosso comportamento: “vigiai!”. Tal como explicita São Marcos: “Vigiai: não sabeis quando o dono da casa vem. Cuidado! Ficai atentos, porque não sabeis quando chegará o momento. É como um homem que, ao partir para o estrangeiro, deixou sua casa sob a responsabilidade de seus empregados, distribuindo a cada um sua tarefa. E mandou o porteiro ficar vigiando. Vigiai, portanto, porque não sabeis quando o dono da casa vem: à tarde, à meia-noite, de madrugada ou ao amanhecer. Para que não suceda que, vindo de repente, ele vos encontre dormindo. O que vos digo, digo a todos: Vigiai!” (Mc 13,33-37).

Por tanto, o Advento nos ensina que não é somente esperar pelo nascimento de Jesus, mas também é o momento de ficarmos atentos a todas as nossas ações e seguirmos firmes nos ensinamentos do Messias.

Neste primeiro domingo do advento, a vela vermelha é acesa, através da chama fortifiquemos o ato do perdão tal como o significado da mesma, que relembra o perdão oferecido por Jesus a Adão e Eva.

Vigilantes e abertos ao perdão, iniciemos esse tempo do advento com a esperança renovada para o encontro com Cristo na Glória Celeste.

 

Texto: Karol Coelho – ASCOM Basílica Santuário de Nazaré

Faça a sua doação

Para a modernização dos equipamentos de transmisão da SANTA MISSA

Share This