Festividade em honra a São Brás iniciou neste domingo (30)

A Comunidade São Brás, da Paróquia de Nazaré, iniciou a festividade em honra ao padroeiro neste domingo (30), após a Santa Missa presidida pelo Pároco e Reitor da Basílica Santuário, Pe. Francisco Maria Cavalcante. A celebração foi realizada na comunidade dedicada ao santo, localizada na Tv. Tapajós, região metropolitana de Belém.

Durante a homilia, o sacerdote explicou que não basta saber de cor e salteado os mandamentos ou os ensinamentos bíblicos, mas sim, praticá-los em sua totalidade. Desta forma, seus filhos o entenderão e o aceitarão assim como Ele é e não baseado naquilo que idealizam que Ele seja. “Deus não se molda aos caprichos de cada um de seus filhos. Somos nós, enquanto criaturas, que temos que tentar entender o que Ele quer pra nossa vida”, disse.

 

Após a celebração, os missionários saíram em procissão pelas ruas da cidade.
Confira a programação da festividade:
01/02 – Adoração Eucarística, às 19h30
02/02 – Santa Missa, às 19h (Benção das gargantas)
03/02 – Dia de São Brás e missa solene seguida com benção da garganta, 19h

Conheça a história de São Brás:
São Brás foi um homem de fé, valoroso médico que não só curava as pessoas de suas doenças, mas também dos males da alma. Tinha grande compaixão dos mais necessitados e usava de seu oficio para ajudar a todos sem discriminação. Quando o Bispo local morreu, a população de toda a região foi ao seu encontro, pedindo para que ele se tornasse padre para tomar conta do povo de Deus. Um dia, uma mãe desesperada o procurou porque seu filho estava quase morrendo com um espinho encravado na garganta. São Brás olhou para o céu, rezou e, em seguida, fez o sinal da cruz na garganta do menino. No mesmo instante, ele ficou milagrosamente curado. Por esse milagre, até os dias de hoje São Brás é invocado para curar os males da garganta.

São Brás, rogai por nós!

Texto e Fotos: Yêda Sousa – Ascom Basílica Santuário

Faça a sua doação

Para a modernização dos equipamentos de transmisão da SANTA MISSA