Segunda-feira, 6ª Semana da Páscoa: Reflexão do Evangelho

Reflexão do Evangelho – João 15,26–16,4a

O compromisso ao qual o cristão é chamado

Por Padre Ferdinando Maria Capra, CRSP

O Espírito Santo, por atribuição, realiza a obra da Vida trinitária, de nos iluminar com a luz da Verdade, fazendo-nos conhecer tudo o que – por revelação, pela Lei, os Profetas e os Salmos –, diz respeito a Cristo Jesus, o Mistério de Deus, em que estão contidos todos os tesouros da Sabedoria e da Ciência. Pela revelação que Cristo Jesus nos faz, na condição de Mestre e Guia, exatamente porque Ele, com o Pai e o Espírito é a Verdade, entramos em comunhão com Deus. 

O processo de santificação, para que esteja à altura do testemunho diante de tribunais de governadores e reis, começa com o cultivo do entendimento ao qual deve ser unido o espírito de fortaleza que faz produzir os frutos do Espírito. A constância, fruto da perseverança nas tribulações, torna o discípulo de Cristo inamovível na sua esperança, a ponto que nem a morte, nem a espada, nem qualquer outra tribulação podem o separar do amor de Cristo.

Padre Ferdinando Maria Capra pertence à Ordem dos Clérigos de São Paulo (Barnabitas) e serve no Rio de Janeiro (RJ).