loader image
Vale patrocinará 1ª fase de restauração da Basílica Santuário de Nazaré

Com a doação da empresa, terá início a revitalização da Casa da Rainha da Amazônia 

No aniversário de 404 anos de Belém, a mineradora Vale entregará um presente para a capital paraense: a assinatura do contrato de patrocínio que executará a primeira fase do “Projeto de Conservação e Restauração da Basílica Santuário de Nazaré e Requalificação da Cripta”. O valor do investimento para esta primeira etapa é de R$3,5 milhões.

O projeto de restauração foi contemplado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura em Janeiro de 2019. O valor do investimento neste momento, patrocinado exclusivamente pela Vale, vai priorizar ações de manutenção imediata e restaurativas de importantes espaços do Santuário como o altar mor, vitrais, reparos de cobertura da igreja e iluminação, além do sistema de refrigeração e o projeto de combate e prevenção de incêndio.

A cerimônia acontece neste domingo, 12 de Janeiro, a partir das 10h na Basílica Santuário. A programação terá início com Santa Missa de Ação de Graças, que contará com a presença de autoridades civis e eclesiásticas. Logo após a Missa, será assinado o contrato de patrocínio entre a Basílica Santuário e a diretoria da mineradora Vale.

O Gerente de Relações Governamentais da Vale no Pará, José Fernando Gomes destaca a importância da Basílica enquanto patrimônio cultural para os paraenses: “É impossível pensar na Basílica e não mencionar o Círio de Nazaré, que é a maior manifestação da cultura e um dos maiores patrimônios culturais do paraense. O patrimônio é a identidade de um povo, sua memória e sua evolução. Ao patrocinar a revitalização da Basílica Santuário de Nazaré, estamos contribuindo com a preservação da história e da cultura do povo do Pará”.

Além da restauração do Santuário, o projeto prevê também a realização de ações de educação patrimonial para alunos do ensino médio de escolas da rede pública da capital paraense.

A joia da Amazônia é o patrimônio histórico do Brasil e do mundo. Os Padres Barnabitas, que administram com amor e fé o Santuário de Nazaré, celebram junto ao povo paraense a conquista pela manutenção do principal símbolo da devoção mariana em Belém do Pará.

Histórico

A Basílica Santuário de Nazaré é uma das igrejas mais belas do mundo, apresenta a predominância do estilo neoclássico e abriga uma grande quantidade de detalhes em sua arquitetura. Hoje, quem vem no segundo domingo de outubro para o Círio de Nazaré, vê milhares de fiéis, turistas e romeiros de todas as partes do Brasil e do mundo prestigiando a Festividade em honra a Rainha da Amazônia. A procissão do Círio tem início na Catedral de Belém e termina na Basílica Santuário.
A Imagem Original de Nossa Senhora de Nazaré permanece no Glória (espaço elevado em mármore branca, ornado com anjos e esplendores) durante o ano todo, sendo retirada somente em dois momentos: na comemoração da elevação da Basílica a categoria de Santuário Mariano da Arquidiocese de Belém, e no dia da missa após a procissão da Motoromaria para a apresentação dos fiéis.
Quem vem a Belém e é católico não pode deixar de visitar a Basílica. Hoje o Santuário é um dos principais patrimônios históricos de Belém. Em sua fachada, apresenta duas inscrições em latim. A inscrição superior Deiparae Virgini a Nazareth significa “Virgem de Nazaré Mãe de Deus”, e a inscrição inferior Salve Regina Mater Misericordiae significa “Salve Rainha Mãe Misericordiosa”.

Faça a sua doação

Para a modernização dos equipamentos de transmisão da SANTA MISSA

Share This